Sabemos que, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, o transporte de crianças de até sete anos no carro deve ser feito somente com o uso de assentos especiais. As leis estadunidenses, contudo, podem gerar algumas dúvidas aos imigrantes.

Isso ocorre porque cada estado dos Estados Unidos tem regras específicas sobre o transporte dos pequenos. No entanto, saiba que o uso da cadeirinha (child) ou do assento de elevação (booster) é obrigatório em todo o país. O que varia são as exigências conforme a idade ou o peso da criança, por exemplo.

A boa notícia é que estamos aqui para te ajudar. Para evitar complicações com as autoridades americanas, separamos esse guia completo sobre como transportar as crianças no carro corretamente. Acompanhe conosco!

Como transportar crianças de até 12 meses no carro

Crianças com até 12 meses de vida devem ser transportadas com um bebê conforto (carseat) em praticamente todos os estados americanos. Caso o imigrante seja pego descumprindo a legislação, ele estará sujeito à multa. Os táxis são as únicas exceções: neles, é possível carregar a criança no colo. 

Vale ressaltar que em muitos estados, como Louisiana e New Jersey, o assento de bebê deve estar voltado para a parte traseira do carro. Se você tem dúvidas sobre o funcionamento das regras onde você mora, saiba que existe uma tabelinha disponibilizada no site da Associação Governamental de Segurança nas Estradas (GHSA), em que é possível ver um resumo das leis em cada território americano. 

Como transportar crianças entre 1 e 3 anos 

Antes de entender como funciona o transporte de crianças entre um e três anos, é importante saber que as regras também podem variar de acordo o peso (libras). Em alguns estados, como Colorado e Alabama, os pequenos com menos de 20 libras devem ser transportados no bebê conforto (carseat).

Isso quer dizer que, se o seu filho tiver um peso igual ou inferior a este, ele deverá continuar no carseat mesmo se já tiver completado um ano. Vale lembrar que cada libra corresponde a 454 gramas. Assim, 20 libras é igual a 9 quilos e 80 gramas.

Alcançada a idade e o peso máximos para o bebê conforto, é a hora de acomodar a criança na cadeirinha (child). Nesse momento, é extremamente importante escolher um modelo de acordo com o tamanho e o peso da criança.

A idade máxima em que ela permanecerá no child também vai variar em cada estado. Veja alguns exemplos do período em que a criança será transportada na cadeirinha: 

  • Alasca: entre um e quatro anos;
  • Flórida: entre e um e três anos;
  • Arizona: entre um e quatro anos;
  • New Jersey: entre um e quatro anos;
  • New York: entre um e três anos.

Vale lembrar que as regras também podem variar de acordo com o peso da criança. Por isso, não deixe de conferir na tabela do GHSA as recomendações para o seu filho.

Depois que o pequeno chegar à idade e ao peso máximos para o uso da cadeirinha, ele poderá ser transportado em um assento de elevação (booster). Esse banco especial costuma ser recomendado para jovens entre quatro e sete anos. 

Como transportar crianças entre 4 e 7 anos 

Em geral, crianças entre quatro e sete anos devem ser transportadas na parte de trás do carro com um assento de elevação — assim como ocorre no Brasil. 

Entretanto, há algumas exceções. No Alabama, por exemplo, apenas crianças de cinco anos são obrigadas a usar o booster. A partir dos seis já é permitida a utilização de cintos de segurança comuns — lembre-se de que isso não vale para a maior parte do país. 

A maioria dos estados, como Kansas, Maine, Maryland, Massachusetts, Minnesota, Oregon, Puerto Rico, Virgínia, Washington, entre outros, permite que crianças utilizem o cinto de segurança de adultos somente a partir dos oito anos. 

Dicas gerais sobre viagens com crianças 

Se você pretende viajar com os seus filhos pelos Estados Unidos, é necessário ficar atento a alguns detalhes culturais. A amamentação em público, por exemplo, não é recomendada. Por lá, não são raros os casos em que mulheres são convidadas a se retirarem de restaurantes em cidades pequenas ou até mesmo em que são  abordadas por policiais

Por isso, sempre que possível, a mãe deve cobrir os seios com uma manta ou uma capa própria para a amamentação. Além disso, algumas lojas de departamento costumam contar com áreas próprias para mães amamentarem. Informe-se. 

Outros fatores devem ser considerados antes de cair na estrada. Para te ajudar a fazer um passeio incrível, separamos algumas dicas úteis. Veja!

Onde trocar a fralda do bebê 

Diferentemente da amamentação, trocar a fralda dos bebês é tarefa fácil nos EUA. Há trocadores disponíveis em praticamente todos os ambientes: banheiros de restaurantes, lojas, supermercados, postos de gasolina, dentre outros. 

O ideal é levar algum paninho ou toalha para colocar por cima dos trocadores, já que não podemos garantir que eles estarão 100% limpos. Algumas lojas e restaurantes costumam ter lencinhos e fraldas grátis, mas não é bom contar com a sorte. Por isso, previna-se. 

Como escolher a acomodação nos hotéis 

O que não faltam são boas opções de hotéis para você se hospedar com os pequenos. Além de a maioria das hospedarias contar com berços (crib) que podem ser solicitados na chegada ou na reserva, algumas ainda possuem o serviço de babá por hora (babysitting) ou uma área onde é possível deixar as crianças. Vale ressaltar, porém, que esses serviços costumam ser pagos a parte. 

Caso os seus filhos sejam maiores e queiram ficar em ambientes separados, é possível optar pelos quartos interligados, que também são bastante comuns nos EUA. Além disso, também não é difícil encontrar acomodações no estilo de apartamento quitinete — excelentes opções para as famílias maiores. 

O ideal é fazer uma pesquisa prévia na internet a fim de encontrar as melhores opções de acordo com o seu perfil. Na dúvida, não deixe de perguntar aos gerentes dos hotéis. 

Gostou das nossas dicas sobre viagem com crianças no carro? Então, compartilhe o artigo em suas redes sociais e ajude outros imigrantes a fazerem um passeio agradável e tranquilo!

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s