Se você possui um carro ou deseja comprar um, provavelmente já ouviu afirmações e histórias no mínimo questionáveis sobre eles no que diz respeito ao seu funcionamento. Assim como o que acontece com a saúde, não é incomum encontrar pessoas que se acham especialistas quando o assunto é mecânica. Muitas vezes esses mitos sobre carros são repassados até por pessoas confiáveis, como os nossos próprios pais. Mas acontece que existem informações erradas que são tão propagadas, ainda mais após o surgimento da internet, que elas acabam passando como verdades.

Se você ficou curioso com o assunto, confira nosso post de hoje. Boa leitura!

Os mitos sobre carros mais comuns

Para nossa listagem, separamos 8 mitos que provavelmente você jurava que era verdade:

1. SUVs são mais seguras que os carros comuns

Muitas pessoas pensam que estarão mais seguras em um SUV do que em um sedan de médio porte. A ideia é que esse modelo de carro é mais estável e oferecem mais proteção em função de sua construção mais confortável e robusta. Mas a verdade é que um veículo maior não significa necessariamente ser mais seguro.

Muitos carros pequenos se saem melhor em crash tests do que alguns utilitários esportivos de médio porte. Na verdade, a avaliação nesse tipo de teste é que deve ser verificada quando a preocupação é com a segurança. Faça um test drive do carro para ter uma melhor avaliação.

2. Gasolina Premium faz o carro correr mais

Existe uma razão para a existência da gasolina Premium e não é fazer com que seu carro atinja maiores velocidades. Carros de alta performance precisam na verdade de combustível de alta octanagem para prevenir o motor de problemas. A gasolina Premium não é mais pura ou mais limpa, mas sim um pouco menos inflamável.

Um veículo com um motor de alta performance abastecido com gasolina comum, provavelmente terá problemas em pouco tempo. Agora, no caso de um carro comum ter seu tanque cheio de gasolina Premium, nenhum benefício será experimentado.

3. Postos de combustível “sem bandeiras” precisam ser evitados

Como seres humanos, temos a tendência a temer o desconhecido, e isto também se aplica à gasolina que colocamos em nossos carros. Embora tenhamos nos acostumado com postos de gasolina como Mobil e Shell, as estações sem marca não oferecem combustível de qualidade inferior simplesmente por cobrarem menos.

A razão pela qual as marcas mais conhecidas cobram mais é que elas normalmente adicionam aditivos de limpeza extra para o motor. Mas a chamada gasolina genérica não vai prejudicar seu motor de forma alguma, já que todos os postos de combustíveis têm que cumprir as mesmas normas.

4. O óleo do motor deve ser trocado a cada 3.000 milhas

Esse é, de longe, o mito sobre carros mais comum. Com a tecnologia moderna, a maioria dos carros podem facilmente atingir de 7.500 até 10.000 milhas sem necessidade da troca de óleo — alguns podem até chegar a 15.000!

Nossa tendência ao excesso de cuidado encontra-se em parte na nossa insegurança sobre o conhecimento do mecanismo e também no costume que as oficinas mecânicas e serviços de trocas de óleo têm em propagar esse tipo de informação. Mas tudo isso não passa de estratégia para aumentar o faturamento sobre os serviços.

5. Andar em alta velocidade causa mais acidentes

Muitas pessoas relacionam a velocidade com os acidentes. É preciso diferenciar a velocidade alta com a condução imprudente. Claro que quando um motorista trafega em velocidade superior, os efeitos de um acidente são agravados. Mas essa não é a principal causa dos conflitos.

Independentemente do limite de velocidade, a maioria dos motoristas excederão o limite até que se sintam em posição confortável e segura. O mais comum em casos de acidentes em estradas federais é que os motoristas que provocaram a colisão trafegavam abaixo de 10 milhas do limite da via.

O ideal seria que todos trafegassem aproximadamente na mesma velocidade, mantendo uma boa distância de segurança entre eles.

6. Rodas maiores aumentam a performance do carro

Enquanto os pneus maiores ajudam os carros da Fórmula Indy a voar na pista, provavelmente eles não farão muito pelo seu sedan. Rodas maiores podem ser esteticamente mais atraentes, mas elas também são mais pesadas, a ponto de prejudicar o desempenho e a eficiência do motor. Com o aumento das rodas, isso também significa que o tamanho da parede lateral do pneu deve encolher para manter seu diâmetro total.

Com perfis mais baixos, os buracos e as estradas irregulares tornam-se uma ameaça maior. Por último, no caso de chuva e neve, um pneu estreito é, na verdade bem mais adequado para a estabilidade do veículo.

7. Os “All Wheel Drive” são os únicos veículos seguros para se dirigir na neve

Esse também é um dos mitos sobre carros. É claro que esse tipo de veículo proporciona segurança para os condutores durante uma nevasca. Mas na verdade, outros tipos de veículos também são propícios para o tráfego na neve, até mesmo os mais comuns. A grande questão está nos pneus. Se utilizar um adequado para a neve, o problema estará resolvido.

8. Veículos com o teto rígido são mais seguros que os conversíveis

A ausência de um teto faz com que muitos motoristas fiquem preocupados com sua segurança ao dirigir um conversível. Mas a realidade é que conversíveis são muito mais seguros do que você pensa.

Além dos designers estarem trabalhando constantemente em projetos cada vez mais seguros, se baseando em barras de proteção posicionadas no para-brisa, nas laterais e na traseira do veículo, a dirigibilidade se torna mais segura, em função da ausência de diversos pontos cegos provocados pelo teto do veículo. Então, esse tipo de carro pode até ser considerado mais seguro.

Pesquise cada informação sobre os veículos 

Os mitos sobre carros que são veiculados constantemente, principalmente na internet, são propagados por pessoas com pouco conhecimento técnico. Elas divulgam suas crenças baseadas em suas próprias convicções, não em dados concretos. Em outros casos, aproveitadores que se beneficiam com a falta de informações dos consumidores encontram nas informações falsas um meio de ganhar dinheiro às custas da inocência das pessoas.

O correto é consultar pessoas confiáveis, que realmente conheçam de carros, antes de fazer uma compra.

Quer conhecer ainda mais sobre o universo automotivo dos Estados Unidos? Então não deixe de ler nosso post “Viagem aos EUA: conheça os aplicativos mais importantes”.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s