Conquistar metas não significa afundar-se em dívida ou arriscar demais. Se o objetivo é adquirir um veículo, o planejamento financeiro para comprar um carro é fundamental para realizar o sonho e poder curti-lo sem preocupações. Quer saber como fazer isso?

Acompanhe este post e confira dicas preciosas para que você se organize para juntar o dinheiro necessário! Demanda esforço, mas vale muito a pena!

Tenha um objetivo 

Ninguém consegue se manter focado por muito tempo se não traçar um objetivo. Por isso é importante que você decida o modelo que você quer para poder elaborar o planejamento financeiro para poder comprá-lo.

Faz parte dessa etapa pesquisar o mercado para identificar quais são as faixas de preço do carro que você deseja. Lembre-se de que poder comprar à vista ou ter condições de oferecer um valor maior de entrada sempre são benefícios.

Ao levantar informação sobre valores, procure descobrir quanto também precisará gastar além do preço do veículo. Isso envolve documentação para ser regularizada e o preço do seguro, por exemplo. Dependendo do estado onde você mora, há diferentes de taxas e é bom conferir detalhes como esses.

Ter essa visão global de custos vai permitir que você analise a situação com mais clareza. Pode ser que o carro que você almeja esteja um pouco além da condição financeira atual, por exemplo. Mas isso não significa que é impossível adquiri-lo. Vai representar apenas que será necessário redefinir o planejamento.

Lembrando que se você já tem um veículo em mãos, quer dizer que tem dinheiro “sobre rodas”.

Estude as formas de pagamento

Coloque na balança o valor que o carro vai custar quando se paga à vista e como são os juros para a realização de um leasing. Algumas condições pode demonstrar que o financiamento vai fazer o valor do veículo ficar exorbitante e na revenda você perderá muito dinheiro.

Se esse for o caso, talvez seja melhor poupar por um tempo maior ou até comprar um modelo inferior e continuar juntando dinheiro. Assim, você pode ir “pulando” de carro em carro até chegar ao seu objetivo, mas sem sofrer prejuízo financeiro.

Elabore um orçamento com metas de curto e longo prazo

 Uma das situações que gera mais desmotivação é desejar algo, tentar conquistá-lo, mas nunca conseguir. Para evitar isso, ao ter o valor do veículo em mãos e as formas de pagamento, é hora de traçar metas. 

Comece com aquelas de curto prazo, que serão os pequenos passos dados nesse processo. Elas são mais fáceis de alcançar e estimulam você a seguir. Essas metas podem ser, por exemplo, fazer uma poupança semanal que vai permitir obter o dinheiro necessário para custear a documentação, o seguro e outros itens que você queira instalar no novo carro.

Uma forma simples de definir um montante a se guardar é, depois de ter saber quanto dinheiro você irá precisar para a compra, verificar a quantia que você já tem e dividir o que falta pelo número de semanas (ou meses) em que você espera atingir a meta. Outra opção é cortar gastos supérfluos e direcioná-los para essa poupança.

As metas de longo prazo, em geral, estão envolvidas a valores maiores. Além dos cortes supérfluos, vai ser preciso apertar um pouco mais o cinto.

A regra é: depois de saber o total que se precisa alcançar, essa quantia precisa ser analisada e você deve definir os meios mais eficazes para consegui-la. Isso pode significar sair menos, economizar em jantares fora de casa, aceitar algumas horas extras que o trabalho oferece e assim por diante.

Isso não quer dizer que seu padrão de vida vai cair. Pode representar apenas mudanças de hábitos. Saber exatamente quanto de dinheiro é preciso comprar o carro e fazer a divisão desse valor pelo tempo que você está disposto a poupar é um dos caminhos mais eficazes para definir suas ações.

Procure deixar sua meta de longo prazo muito bem clara e, se possível, anote em um local que você veja sempre. Vá anotando, por partes, as metas alcançadas e siga em frente.

Tenha uma reserva de emergência

Essa ideia é justamente para salvaguardar você caso algo excepcional aconteça e que vai acarretar um gasto imprevisto. Quando estamos guardando dinheiro com um objetivo e precisamos empregá-lo em outra finalidade, acabamos nos desapontando. Ter uma reserva de emergência vai impactar menos na sua poupança e vai permitir que os prazos estipulados para alcançar seus objetivos não sejam totalmente atingidos.

Dentro desse conceito, o ideal é que você mantenha essa reserva por tempo indeterminado. Ou seja, antes e depois da compra do carro. Ao se adquirir o veículo, alguns gastos vão ser comuns: combustível, possível troca de uma peça, manutenções rotineiras. Inclusive, essa outra poupança pode ser utilizada para esses momentos. Mas logo depois de ter gastado o dinheiro, recomece a guardar novamente.

Para definir a quantia a ser reservada, tire por padrão o custo de uma viagem de emergência para a casa de familiares, por exemplo. Claro, esse valor pode estar relacionado ao seu custo de vida no prazo de três meses, cinco meses, assim por diante.

Faça investimentos que gerem renda

Trabalhar para juntar dinheiro não é a única forma de realizar o planejamento financeiro para comprar um carro. Se for possível fazer com que esse dinheiro guardado “trabalhe por conta própria”, é um empurrãozinho a mais. Isso quer dizer que você deve verificar possíveis formas de investir sua economia para que ela renda mais com os juros de alguma aplicação.

Contudo, verifique no mercado opções seguras de investimento. Mesmo que as porcentagens não sejam significativas, qualquer aumento é um ganho extra para você.

Considere os custos de manutenção

Para se acostumar com o carro que logo estará em sua garagem, durante o período de economia faça alguma visita a um mecânico e a uma loja de peças (ou site de vendas) para observar a média de custo para manutenção.

Dependendo do modelo, esses gastos serão maiores ou menores. Verifique o valor para troca de óleo, substituição de pastilhas de freio, manutenção na suspensão. Coisas que são comuns a serem feitas. Pergunte também a especialistas se há alguns defeitos que são mais comuns no tipo de carro que vai comprar. Essa atitude faz parte de um planejamento futuro.

Traçar metas e atingi-las é uma sensação sem igual, e o planejamento financeiro para comprar um carro proporciona isso. Quem está nos EUA com certeza já precisou enfrentar diversas batalhas para chegar lá, por isso encarar mais uma vai ser mais fácil do que você espera. E com nossas dicas você estará um passo mais perto de conquistar mais esse sonho.

Gostou do nosso post? Então aproveite e aprenda também quais são os 10 erros cometidos na hora de comprar um carro usado!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s